Sabia que… Deve Dar Prioridade a Um Veículo em Marcha de Emergência?

Publicidade
Publicidade

O título deste artigo pode ser para muitos de vós ridículo, é lógico que os veículos prioritários tem prioridade perante a sinalização vertical ou luminosa fazendo com que normais regras de trânsito mudem.

O problema é que nem toda a gente tem isto claro e também por isso fazemos este artigo.

Consideramos veículos prioritários todos os que assinalam de forma luminosa intermitente e/ou sonora a sua marcha de emergência. Em Portugal a luz de emergência é tendencialmente azul mas pode em alguns casos ser também conjugada com luz branca em forma de flash na parte frontal do veículo.

Estes veículos têm prioridade sobre qualquer outro veículo em todas os locais e situações incluindo ao saírem de caminhos particulares (e etc), ao entrarem em rotundas e até em vias estreitas.

Existem apenas duas situações onde estes veículos perdem a prioridade:

  • Perante veículos que saiam de uma passagem de nível
  • Ao entrarem na autoestrada ou via reservada a automóveis e motociclos pelos respetivos acessos

Perante sinalização de cedência de passagem ou o sinal de Paragem obrigatória no cruzamento ou entroncamento (STOP) e até perante a sinalização luminosa vermelha estes veículos continuam a ter prioridade.

No caso do sinal de STOP e da sinalização luminosa estes veículos são obrigados a parar por questões de segurança mas podem avançar sem aguardar pelos outros veículos no cruzamento ou que a luz vermelha passe a verde devendo para isso tomar medidas de segurança para proporcionar uma passagem segura do veículo de emergência.

Ao observar um veículo de emergência que se aproxima pela retaguarda deve encostar-se images (1)à direita ou à esquerda o máximo possível e deixar de acelerar ou mesmo abrandar, não deve travar de forma brusca exceptuando as situações em que a sua segurança esteja em causa. O motorista do veículo de emergência deve manifestar através de sinal de mudança de direcção qual o lado por onde pretende seguir para avançar com a sua marcha.

Be6wxXzCYAASlsU

No caso das auto estradas existe situações de trânsito intenso em que os veículos usam a faixa mais à direita, ou faixa de emergência (denominada de berma também), para avançar sobre o trânsito, deve ter atenção à sua retaguarda e ao seu comportamento para não condicionar o avanço do veículo de emergência.

Uma fluidez superior dos veículos de emergência pode salva-lo a si ou alguém seu num futuro próximo.

Artigo com citações de: http://www.bomcondutor.pt/

Commentários

Commentários