Trabalhadores do INEM em Protesto

Foto Vera Pinho / Global Imagens
Publicidade

Vários trabalhadores do INEM protestaram, nesta manhã de terça-feira, às portas das instalações do Instituto Nacional de Emergência Médica, no Porto, exigindo a manutenção dos atuais coordenadores do serviço.

A demissão em bloco do responsável regional e dos coordenadores do serviço do INEM, no Porto, foi a gota de água para os funcionários, fartos de fazer horas extra sem limites devido a um número insuficiente de trabalhadores, dos baixos salários e da escassez de meios.

“As pessoas que foram escolhidas não conhecem as especificidades do serviço, o que vai ter consequências na qualidade e rapidez da nossa resposta”, considera António Moreira, funcionário do INEM há 15 anos, juntando-se, por isso, a um protesto que visava sobretudo “manifestar o apoio às pessoas demissionárias”.

“O diretor regional demitiu-se na semana passada, depois de ter indicado como coordenadores as pessoas que atualmente prestavam esse serviço e dessa indicação não ter sido aceite pela direção nacional, que indicou outros nomes. Os atuais coordenadores, que tinham o apoio dos trabalhadores, também se demitiram”, explicou o responsável pelo Sindicato da Função Pública do Norte, Orlando Gonçalves.

por Hermana Cruz em http://www.jn.pt/
pode ver o artigo completo em http://www.jn.pt/nacional/interior/trabalhadores-do-inem-em-protesto-5653123.html

Commentários

Commentários