LBP Reúne-se Hoje com Ministro da Administração Interna

Publicidade

A Liga dos Bombeiros Portugueses (LBP) reúne-se hoje, terça-feira, 27 de fevereiro, às 18h00, com o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita. A reunião tem lugar nas instalações no ministério, na Praça do Comércio, em Lisboa.

A reunião tem lugar na sequência do documento apresentado pela LBP ao MAI, aprovado no seu Conselho Nacional Extraordinário de Palmela, no qual se identificam as principais preocupações dos bombeiros para poderem integrar o Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais de 2018 (DECIF).

A reunião ocorre um dia antes da data limite (28 de Fevereiro) anunciada pela LBP, na sequência do mesmo documento aprovado em Palmela, para que o MAI se pronuncie sobre o seu teor.

A importância do papel dos bombeiros é determinante no âmbito do Dispositivo Integrado de Operações de Socorro (DIOPS), que abarca todas as ocorrências de socorro registadas em Portugal, já que representam, em média, 98 por cento dos operacionais presentes em todos os teatros de operações. Nas mais de 41 mil situações de socorro ocorridas desde o princípio do corrente ano, mais de 97 por cento dos operacionais da protecção civil envolvidos são bombeiros.

Mesmo no âmbito do combate aos incêndios florestais (DECIF), por exemplo, no mesmo período os bombeiros corresponderam a 95 por cento dos agentes da protecção civil intervenientes de norte a sul do país nessa acção, num total de mais de 1.800 ocorrências.

A participação dos bombeiros portugueses no domínio do socorro pré-hospitalar coordenado pelo Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) é igualmente significativa. Das cerca de 122 mil intervenções coordenadas pelo INEM desde o princípio do ano mais de 105 mil foram executadas pelos bombeiros, o que corresponde a cerca de 85 por cento do socorro pré-hospitalar executado em Portugal.

Commentários

Commentários