A estrela do Wolves, Anthony Edwards, pede desculpas por calúnia; Equipe “Desapontada”

O ex-número 1 da NBA Anthony Edwards pediu desculpas por postar um vídeo anti-gay em seu Instagram Stories e pode receber uma multa da liga por suas ações

A NBA pode punir Anthony Edwards, do Minnesota Timberwolves, por linguagem homofóbica usada em um vídeo que ele postou nas redes sociais.

O vídeo filmou Edwards discutindo um grupo de homens que ele viu na rua. Ele usou termos depreciativos sobre eles no vídeo, que foi visto no Instagram Live e depois excluído antes de chegar a outros sites de mídia social.

Edwards, que completou 21 anos no mês passado, pediu desculpas no domingo (segunda-feira, 12 de setembro, horário de Manila).

“O que eu disse foi imaturo, ofensivo e desrespeitoso, e lamento profundamente”, escreveu Edwards em um comunicado postado no Twitter. “É inaceitável que eu ou qualquer um use essa linguagem de maneira tão maliciosa, e não há absolutamente nenhuma desculpa para isso. Eu cresci melhor do que isso!”

Em um comunicado divulgado na segunda-feira à tarde (terça-feira, 13 de setembro, horário de Manila), o chefe da equipe, Tim Connelly, pediu desculpas à comunidade.

“Estamos desapontados com a linguagem e as ações que Anthony Edwards exibiu nas redes sociais”, dizia o comunicado. “O Timberwolves está comprometido em ser uma organização inclusiva e acolhedora para todos e pede desculpas pela ofensa que isso causou a tantos”.

A National Basketball Association (NBA) puniu jogadores no passado por declarações homofóbicas.

Em dezembro de 2015, a NBA emitiu uma suspensão de um jogo para Rajon Rondo, em parte devido a uma explosão em um oficial que incluiu insultos anti-gay.

Em abril de 2021, a National Basketball Association multou o astro do Brooklyn Nets, Kevin Durant, em US$ 50.000 por “linguagem ofensiva e degradante nas mídias sociais”, que incluía insultos anti-gay.

READ  Nadador Ben diz que a participação de Leah Thomas "destrói a integridade do esporte" antes do Campeonato da NCAA

Timberwolves escolheu Edwards com a primeira escolha geral no Draft da NBA de 2020. Em duas temporadas, ele teve médias de 20,3 pontos, 4,7 rebotes e 3,4 assistências em 144 jogos (127 como titular). – Rappler. com

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.