Aleatório: as pessoas ainda estão descobrindo segredos sobre as DLC Blight Battles do BOTW

Você provavelmente pensou que havíamos esvaziado o poço dos segredos de Breath of the Wild, certo? Nós também fizemos isso. Acontece que ainda existem recursos que não conhecíamos.

Um desses fatos foi revelado recentemente por um canal do YouTube Reinventando os jogos, que explicou em um vídeo recente que as batalhas de Champion’s Ballad’s Blight ficam mais fáceis com repetidas tentativas. Quem teria pensado que Calamity Ganon seria tão misericordioso?

No vídeo acima, temos uma análise completa da dificuldade dinâmica em ação. Ao encontrar repetidamente o mesmo inimigo, o jogo fornecerá a Link um conjunto de itens úteis para tornar a próxima tentativa menos difícil.

Depois de três tentativas em um único Blight, Link começará sua próxima rodada com a fada em seu elemento para uma rápida reanimação. Se ele cair mais três vezes (elevando o total para seis), o jogo oferece uma refeição e um elixir especial ao chefe disponível para ajudá-lo a lidar com alguns efeitos complicados.

Não é uma dificuldade dinâmica no sentido de que os chefes ficam mais fracos, mas é uma boa maneira de ajudar aqueles que podem estar lutando para passar por uma batalha específica – onde a mesma configuração existe em Dark Souls, certo?

Acontece que eles não medem as tentativas apenas de mortes. Como mostra o vídeo Gaming Reinvented, você pode ativar bônus de tentativa repetida simplesmente entrando e saindo da batalha o número desejado de vezes. Existem maneiras mais fáceis de obter cada item, é claro, mas é fácil saber se você o possui ou não. verdadeiramente Ela precisa de uma fada e não se incomoda em ir pescar.

READ  O Xbox está passando por uma interrupção de atendimento [update: seemingly fixed]

Imaginamos que esta seria uma das últimas “novas” revelações que veríamos em Breath of the Wild, mas ei, estamos sempre prontos para ser provados que estamos errados por um jogo de sete anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *