Astronautas da NASA chegam no primeiro vôo espacial humano da Boeing

CABO CANAVERAL, Flórida (AP) – Os dois astronautas da NASA encarregados do primeiro vôo espacial tripulado da Boeing chegaram ao local de lançamento na quinta-feira, pouco mais de uma semana antes do lançamento programado.

Butch Wilmore e Sonny Williams servirão como pilotos de teste da cápsula Starliner da Boeing, que estreará com tripulação após anos de atrasos. Eles voaram de Houston para o Centro Espacial Kennedy na quinta-feira.

Com lançamento previsto para 6 de maio a bordo de um foguete Atlas, o veículo Starliner voará para a Estação Espacial Internacional em um cruzeiro de uma semana. A Boeing está tentando alcançar a SpaceX, que lança astronautas para a NASA desde 2020.

Ninguém esteve a bordo dos dois voos de teste anteriores do Starliner da Boeing. A primeira, em 2019, Não teve sucesso para a estação espacial devido a software e outros problemas. Boeing Repita o show Em 2022. E mais recentemente a cápsula Ele estava aflito Devido a problemas com os toldos e fita inflamável que tiveram que ser removidas.

Wilmore enfatizou que este é um voo de teste que visa descobrir algo errado.

“Esperamos que as coisas corram perfeitamente? Este é o primeiro voo de uma nave espacial humana.” “Tenho certeza de que vamos resolver as coisas. É por isso que fazemos isso.”

A NASA contratou a SpaceX e a Boeing há uma década, pagando às empresas bilhões de dólares para transportar astronautas de e para a estação espacial. A agência espacial ainda deseja obter cápsulas de duas empresas concorrentes para os seus astronautas, mesmo que a estação espacial termine as operações em 2030.

“Isso é crítico”, observou Wilmore.

Wilmore e Williams serão os primeiros astronautas a viajar em um foguete Atlas desde o Projeto Mercury da NASA, no início dos anos 1960.

READ  A Terra está girando mais rápido que o normal

___

O Departamento de Saúde e Ciência da Associated Press recebe apoio do Grupo de Mídia de Ciência e Educação do Howard Hughes Medical Institute. A AP é a única responsável por todo o conteúdo.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *