Minnesota, Colorado e Texas elevam vitórias estaduais de Trump para 11

Uma nova pesquisa na Virgínia esta semana deu mais combustível ao seu argumento de que Nikki Haley é uma melhor candidata para enfrentar Joe Biden nas urnas em novembro do que Donald Trump.

Uma pesquisa do Roanoke College descobriu em uma corrida hipotética que Haley venceria Biden na Virgínia por quase 9 pontos, com 49 por cento dos eleitores apoiando Biden, 40 por cento.

Na mesma sondagem, numa corrida entre Trump e Biden, o titular democrata venceria, por 47% a 43%.

A sondagem sublinha uma verdade que muitos políticos na Virgínia já sabem há algum tempo: a maioria dos eleitores não gosta profundamente de Trump, mas apoiaria outro republicano se tivesse oportunidade.

Isso ficou claro em 2021, quando o recém-chegado político republicano e ex-executivo do Carlyle Glenn Youngin foi eleito governador lá, um ano depois de Biden ter vencido o estado por 10 pontos sobre Trump.

Mas agora, os republicanos do estado estão preparados para entregar outra vitória primária para Trump na terça-feira: uma pesquisa Roanoke mostrou que Trump tem o apoio de 75 por cento dos eleitores republicanos na Virgínia, em comparação com 15 por cento que disseram apoiar Haley.

No entanto, Haley acredita que pode superar as sondagens graças à natureza “aberta” das primárias: o estado não tem registo partidário para os eleitores, pelo que qualquer pessoa pode participar, independentemente de serem republicanos, democratas ou independentes.

READ  Flag football substitui o NFL Pro Bowl por competições de habilidade

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *